RESPONSABILIDADE COM RECURSOS NATURAIS

– AQUI SE CONSTRÓI SUSTENTABILIDADE –
INOVAÇÃO

SUSTENTABILIDADE É A NOSSA BANDEIRA

A RAC Engenharia sempre buscando tecnologia e inovação como diferencial na execução dos seus trabalhos, também está preocupada com a utilização dos recursos naturais de maneira sustentável. Prova disto que é uma reconhecida empresa de mercado que detém know how na execução de obras com certificações sustentáveis. Para se ter sucesso em um empreendimento sustentável, devem ser avaliadas com critério, todas as fases do projeto desde sua concepção, levando em consideração uma rede de fornecedores selecionados e uma equipe treinada e experiente, envolvida até a conclusão dos trabalhos.
SEDE RAC

LEED PLATINUM COM MAIOR PONTUAÇÃO DA AMERICA LATINA

A nova sede é autossustentável em água e energia. Toda a edificação funciona através de geração de energia solar, potabilização de água da chuva e tratamento de resíduos de esgoto sanitário.

Localizada na cidade de Curitiba, seu projeto faz parte de um contexto urbano já desenvolvido, dotado de todos os serviços e de eficiente transporte público. Na edificação, todas as soluções de Green Building foram implantadas: sistema mecânico, sistema hídrico, sistema elétrico, paisagismo, projeto luminotécnico, incluindo práticas de sustentabilidade de seus usuários.

Buscamos a certificação Leed Platinum com maior pontuação atingida em toda a América Latina, além do prêmio Saint Gobain na categoria conforto. Atualmente, a sede da RAC se destaca na paisagem do bairro, como o mais novo ícone de tecnologia e inovação dentro do complexo conceito de sustentabilidade.

NET ZERO ÁGUA

AUTOSSUFICIÊNCIA HÍDRICA

Net Zero Água é um conjunto de sistemas, equipamentos e soluções de engenharia que permitem que um edifício opere fornecendo água para os seus ocupantes com qualidade, e trate todo o seus efluentes de forma a não agredir o meio ambiente local. O resultado é a independência de seu abastecimento junto à concessionária pública, conquistando assim a autossuficiência hídrica.

ÁGUA DA CHUVA

A ESTRUTURA DA RAC FOI PROJETADA PARA GERAR 100% DA ENERGIA E TRATAR 100% DA ÁGUA QUE CONSOME

Veja como funciona o sistema de captação e tratamento de água.
  • Aproveitamento de água da chuva e sua potabilização para uso em torneiras de banheiros

  • Tratamento e reuso de águas cinzas e negras geradas na edificação para fins que não exijam potabilidade, como o abastecimento de bacias sanitárias para descargas e irrigação

  • Na sede da RAC, a qualidade da água atende à Portaria 2914 do Ministério da Saúde para a água que exige potabilidade e CONAMA 357 Classe I para água de reuso. Ou seja, o sistema não é interligado e opera em dois ciclos separados, com caixas e prumadas de água independentes

  • A utilização de metais e louças eficientes, de reduzida vazão hídrica, juntamente a acionamentos inteligentes, diminuem a demanda de água e o volume de efluentes produzidos pela edificação

  • O aprimorado Sistema de Reuso da Água, trata 100% dos efluentes gerados no local. Os mesmos são tratados tanto em reatores como através da natureza (wetland), sendo filtrados e armazenados em reservatório específico para reuso em descargas

  • Por fim, a Captação de Águas Pluviais se dá no reservatório principal de 5000 litros, onde reserva-se a água captada no telhado da edificação – que depois de tratada, torna-se potável e própria para utilização em torneiras e chuveiros e é enviada para o reservatório superior apropriado

NET ZERO ENERGIA

ENERGIA LIMPA, EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

Painel Solar | Escola Senac Portão - Curitiba/PR

Um dos pilares dos projetos sustentáveis RAC é a energia limpa. Nos edifícios de energia zero, do inglês Zero Energy Building (ZEB), a quantidade total de energia utilizada, em uma base anual, é aproximadamente igual à quantidade de energia renovável produzida no local (on-site) ou adquirida de outras fontes de energia renováveis (off-site). Dentro deste conceito, os edifícios podem se enquadrar em 02 classificações: net zero site energy e net zero source energy. Na primeira, a edificação é completamente autônoma, já na segunda, o edifício não consegue gerar tudo o que consome, mas cobre o déficit com energia de fontes renováveis externas. Para atingir esse patamar, a sede da RAC atingiu eficiência energética, com o uso da chamada inteligência arquitetônica e arquitetura bioclimática que prevê a redução da iluminação artificial e a necessidade de sistemas de climatização.

SUSTENTABILIDADE TAMBÉM ESTÁ EM NOSSOS RELACIONAMENTOS. SÓLIDOS E COMPROMETIDOS.